Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

BID diz que vendas da A.Latina podem crescer com custos menores em transporte

São Paulo, 29 set (EFE).- O Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), em um estudo divulgado hoje em São Paulo, sugeriu a diminuição dos custos com transporte na América Latina para fomentar as exportações na região.

EFE |

O economista do BID Maurício Mesquita Moreira expôs nesta segunda-feira, no Instituto Fernando Henrique Cardoso, o estudo "Impacto dos Custos do Transporte na Integração Regional", no qual recomenda esse tipo de redução no lugar da diminuição das tarifas alfandegárias.

Em um seminário promovido em parceria com a Fiesp, Mesquita Moreira disse que as exportações da América Latina aos Estados Unidos cresceriam 39% se os custos com transporte diminuíssem 10%.

Essa redução teria um impacto maior que a diminuição de tarifas, segundo o economista responsável pelo estudo, que analisou a situação em nove países.

"As necessidades do transporte devem ocupar um espaço central no debate sobre as políticas comerciais, especialmente depois do colapso das conversas de Doha", destacou.

O estudo também denuncia estradas em mal estado de conservação, aeroportos e portos congestionado e serviços alfandegários ineficientes.

No Brasil, as exportações de óleos vegetais, frutas oleaginosas e máquinas e equipamentos, se impulsionadas pela mesma redução nas taxas dos fretes, aumentariam aproximadamente 32 vezes mais em comparação com uma redução tarifária.

A proximidade geográfica da América Latina com EUA, acompanhada da redução dos custos com transporte, compensaria a mão-de-obra barata oferecida pelos mercados asiáticos, detalhou o economista brasileiro. EFE wgm/sc

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG