SÃO PAULO - O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) vai receber US$ 1 bilhão do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) para fomentar o crescimento de micro, pequenas e médias empresas brasileiras. O empréstimo é o terceiro de mesmo valor referente a uma linha de crédito condicional acordada entre o BID e o governo brasileiro em 2004.

O empréstimo tem vencimento em 2028, sendo que o BNDES ainda conta com um período de carência de quatro anos. A contrapartida do BNDES será de US$ 1 bilhão.

Conforme com o combinado entre as duas entidades, os recursos serão repassados para financiar projetos de ampliação, instalação e modernização das micro, pequenas e médias empresas.

O BID apóia o BNDES com ações como essa desde 1997. Ao todo, já destinou US$ 5,5 bilhões em empréstimos que somaram US$ 9,8 bilhões em crédito produtivo para os brasileiros. "As micro e pequenas empresas sempre foram uma prioridade para o BID e neste momento, por sua capacidade de geração de emprego e de aumentar a competitividade das cadeias de produção, elas são fundamentais para fortalecer a exportação e a economia como um todo", comentou Jose Luis Lupo , representante do BID no Brasil.

(Valor Online)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.