Tamanho do texto

A agência de propaganda MPM, que faz parte do Grupo ABC, do publicitário Nizan Guanaes, vai sofrer uma reestruturação, que será anunciada na próxima semana. As mudanças são decorrência da saída de Bia Aydar, que ocupou a presidência da agência nos últimos sete anos.

Bia, junto com a irmã, Fernanda Nigro, vai comandar a própria empresa, a Semparar, voltada para a área de relações públicos e consultoria de eventos. Fernanda também trabalhava na MPM.

Amiga de longa data de Nizan, Bia se especializou em ações de relações públicas num estilo próximo do modelo adotado por essa atividade nos Estados Unidos, onde os profissionais fazem a ponte entre empresários, governos e outras conexões. Ela trabalhou também para o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso.

Embora tenha se empenhado em assumir o posto de publicitária, ela reconhece que não terá saudades. Acredita que sua vocação é o trabalho de relações públicas e arquitetura de eventos, aos quais sempre se dedicou. "Vou usar minhas conexões para viabilizar negócios", diz. "Não é um trabalho que se aprende, mas que se constrói em anos de vivência no meio. Por isso, estou montando um modelo de negócios que não tem similar no mercado brasileiro, embora tenha semelhança com as empresas de relações públicas americanas."
As irmãs apostam que o atual momento é ideal para o que pretendem oferecer. Há um cenário de expansão se desenhando nos próximos anos, com eventos como a Copa de 2014 e a Olimpíada de 2016. Bia diz que já começou a ser sondada até por companhias internacionais. Pelas estimativas da Pricewaterhouse Coopers, o mercado de entretenimento e mídia, que considera 12 categorias no período de 2009-2013, terá crescimento de 2,7%. Mas, no Brasil, esse mercado deve crescer 4,6% ao ano até 2013.

Guanaes informou que avalia nomes para o lugar de Bia e que eles seguem parceiros. Aproveitou para anunciar a compra de outra agência em São Francisco, nos EUA. A agência Dojo será tocada pelos três sócios Mauro Alencar, brasileiro radicado por lá, e os americanos Geoff Edwards e Jeremy Brown.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.