Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Bernardo: governo retoma as discussões de banda larga em abril

O governo retomará as reuniões do grupo de estudo que elabora o Plano Nacional de Banda Larga em abril, segundo reiterou hoje o ministro do Planejamento, Paulo Bernardo. Em abril, vamos retomar o tema com o presidente.

Agência Estado |

Se der tempo, até no final de março", explicou o ministro, durante participação no Programa Bom Dia Ministro, da NBR TV.

Houve a interrupção dos trabalhos, segundo ele, porque a segunda fase do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2), que será lançado no final deste mês, atropelou o andamento das discussões. "Estamos formatando a fase final do PAC 2, então suspendemos um pouco a discussão de banda larga, mas está tudo formulado, só falta bater martelo."

Apesar de dizer logo que não é especialista no assunto, o ministro considerou ser possível uma redução do preço do serviço para a população. "É evidente que qualquer coisa pode ficar mais barata se tivermos política para isso, mas não tenho linha formulada no governo para esta questão", disse. "Qualquer pessoa que tem banda larga acha que é caro, e eu acho que é caro também."

Venda casada

Paulo Bernardo salientou que a internet ainda é acessada por um número limitado de pessoas no Brasil. "E grande parte não é por meio de banda larga. Isso precisa ser resolvido." Ele relatou, durante o programa, dificuldades pessoais de acessar o serviço quando está em viagem. "Parece que o setor está acomodado hoje", avaliou.

O ministro também disse que o governo enfocará a venda casada do serviço com telefone e televisão à cabo. "Temos que resolver isso. Do contrário, sempre ficará proibitivo o custo."

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG