Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Belo Monte terá custo menor de transmissão

RIO - O secretário-executivo do Ministério de Minas e Energia, Márcio Zimmermann, afirmou que a hidrelétrica de Belo Monte, no rio Xingu, no Pará, terá um custo menor da transmissão associada à tarifa de energia que o da usina de Santo Antônio, que está sendo construída no rio Madeira, em Rondônia. O carregamento da transmissão em Belo Monte será de R$ 14 por megawatt-hora (MWh), enquanto em Santo Antônio, dos R$ 78 obtidos pelo MWh, R$ 24 são decorrentes da transmissão.

Valor Online |

Zimmermann explicou que em Santo Antônio foi necessário licitar uma linha de transmissão de 2.400 quilômetros para conectar à rede básica, enquanto em Belo Monte a linha Tucuruí-Manaus já está em construção e a ligação necessária a partir da usina será mais curta.

" Em Belo Monte já tem linha, não precisa investir tanto " , explicou Zimmermann.

Já o presidente da Eletrobras, José Antônio Muniz Lopes, revelou que a estatal planeja realizar uma operação de US$ 2 bilhões com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), que financiaria um projeto da companhia.

Muniz Lopes não entrou em detalhes, mas frisou que essa operação ser juntaria a uma captação, que deve ser realizada este ano, de outros US$ 2 bilhões no mercado internacional.

Juntas, as operações teriam um efeito contábil de hedge de recebíveis da empresa, o que evitaria grandes oscilações no resultado financeiro da estatal em decorrência da flutuação cambial.

O executivo disse ainda que a Eletrobras tem este ano o compromisso de investir pelo menos 95% dos R$ 9 bilhões previstos no plano de investimentos da companhia, que prevê o total de R$ 30 bilhões entre 2009 e 2012.

(Rafael Rosas | Valor)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG