Frankfurt (Alemanha), 26 set (EFE).- O Banco Central Europeu (BCE) anunciou hoje um leilão de US$ 35 bilhões a um prazo de sete dias, diante do aumento da pressão que se detecta nos mercados monetários globais.

Esta nova injeção de liquidez ao mercado será realizada em coordenação com o Banco da Inglaterra (autoridade monetária britânica) e o Banco Nacional (central) Suíço, no âmbito dos acordos recíprocos (linha de troca temporária de divisas swap) com o Federal Reserve (Fed, banco central americano).

O Fed colocou, ontem, à disposição dos bancos centrais com os quais atua em coordenação para aliviar a pressão dos mercados monetários US$ 13 bilhões, valor que se junta aos US$ 277 bilhões concedidos anteriormente.

O BCE decidiu que o leilão semanal firmado para ontem será para o mercado interbancário da zona do euro.

Paralelamente, o BCE decidiu reduzir de US$ 40 bilhões para US$ 30 bilhões as injeções de liquidez que aconteceram nestes dias a um dia de vencimento. EFE cv/fal

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.