O chefe adjunto do Departamento Econômico do Banco Central, Túlio Maciel, informou hoje que o fluxo cambial de fevereiro acumula saída líquida de US$ 269 milhões em fevereiro até o dia 19. O resultado foi determinado sobretudo pelo déficit de US$ 2,095 bilhões do segmento comercial, onde o saldo negativo foi gerado por importações de US$ 8,877 bilhões e exportações de US$ 6,782 bilhões.

No segmento financeiro, o fluxo do mês acumula ingresso líquido de US$ 1,827 bilhão, resultante de entradas de US$ 15,685 bilhões e saídas de US$ 13,859 bilhões. Maciel também informou que os bancos diminuíram a posição comprada (aposta na alta do dólar) no mercado cambial para US$ 1,996 bilhão em 19 de fevereiro. No final de janeiro, a posição era comprada em US$ 2,664 bilhões.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.