BRASÍLIA (Reuters) - O Banco Central promoveu novos ajustes no recolhimento compulsório de depósitos bancários nesta quarta-feira, em medidas que injetarão um total de 23,2 bilhões de reais na economia. A autoridade monetária reduziu de 8 para 5 por cento a alíquota do recolhimento compulsório adicional sobre os depósitos à vista e a prazo instituído em 2002.

O BC também aumentou o valor mínimo do recolhimento do compulsório do depósito a prazo de 300 milhões para 700 milhoõs de reais.

"O objetivo é prover liquidez", afirmou o BC por meio de sua assessoria de imprensa.

(Reportagem de Isabel Versiani)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.