Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

BC eleva projeção para déficit em conta corrente em 2008

BRASÍLIA - O Banco Central (BC) prevê que o déficit de transações correntes em 2009 será de US$ 33,1 bilhões, valor que representará 1,9% do Produto Interno Bruto (PIB) projetado para o ano. Em revisão divulgada hoje, o BC elevou a estimativa para o resultado negativo das contas correntes externas em 2008, de US$ 21 bilhões para US$ 28,8 bilhões (1,8% do PIB).

Valor Online |

A primeira previsão da autoridade monetária para o ano que vem aponta uma queda do Investimento Estrangeiro Direto (IED) em relação a 2008. No próximo ano, na avaliação do BC, o IED deve somar US$ 33 bilhões, ante a projeção mantida para este ano em US$ 35 bilhões.

O BC também espera um superávit comercial de US$ 17 bilhões em 2009, inferior aos US$ 25 bilhões estimados para este exercício. As exportações devem sair de US$ 198 bilhões (projeção revisada) neste ano para US$ 217 bilhões em 2009. A estimativa para as importações foi de US$ 175 bilhões para US$ 200 bilhões em 2009, contra uma revisão de US$ 157 bilhões para US$ 173 bilhões nas compras neste ano.

Já as remessas de lucros e dividendos devem apresentar uma redução em relação aos US$ 33 bilhões programados para este ano (a expectativa anterior era de US$ 29 bilhões). Para 2009, espera-se US$ 30 bilhões.

A estimativa para o saldo negativo da conta de viagens internacionais foi alterada de US$ 5 bilhões em 2008 para US$ 6,2 bilhões. Para 2009, é aguardado déficit de US$ 6 bilhões. Esse saldo marca a diferença entre o montante gasto pelos brasileiros no exterior e o que os estrangeiros deixam por aqui.

O BC projeta ainda uma conta líquida de juros externos de US$ 6,7 bilhões no ano que vem, volume inferior aos US$ 7,3 bilhões calculados para este ano.

(Azelma Rodrigues | Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG