Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

BC discutiu possibilidade de reduzir Selic em 0,25 ponto

BRASÍLIA - A ata da reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) que manteve na semana passada o juro estável em 13,75% ao ano afirma que o cenário financeiro restritivo por um período mais prolongado poderia ampliar de forma relevante os efeitos da política monetária sobre a demanda e, ao longo do tempo, sobre a inflação. Diante desse entendimento, o documento observa que a maioria dos membros do Copom tendo em vista o balanço de riscos para a atividade econômica e, conseqüentemente, para o cenário inflacionário em 2009, discutiu a opção de realizar, neste momento, uma redução de 0,25 ponto percentual na taxa básica de juros.

Agência Estado |

Apesar dessa possibilidade ter sido discutida, a ata afirma que prevaleceu o "entendimento de que a trajetória projetada para a inflação ainda justificaria a manutenção da taxa básica em seu patamar atual".

O documento destaca que a despeito do espaço para eventual redução da Selic "outros membros do Copom avaliaram que os riscos que prosseguem para a dinâmica inflacionária, derivados da possível persistência da elevação da inflação observada neste ano e das conseqüências do processo de ajuste do balanço de pagamentos, continuam condicionando de forma predominante as diferentes possibilidades que se apresentam para a política monetária".

Leia tudo sobre: copom

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG