Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

BC anuncia medida para liberar R$ 6,2 bi ao BNDES

O Banco Central anunciou nesta tarde a Circular 3.421, que permite que bancos que aplicarem recursos em depósitos interfinanceiros do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) receberão abatimento do recolhimento do compulsório sobre depósitos a prazo.

Agência Estado |

Segundo nota à imprensa, a medida permite que cerca de R$ 6,2 bilhões sejam liberados para aplicação no BNDES. "A medida complementa as ações do BC no sentido de melhorar a distribuição de recursos do sistema financeiro nacional e as condições do mercado de crédito para pequenas e médias empresas".

Segundo o BC, essas aplicações junto ao BNDES somente poderão ser feitas com depósitos que tenham prazo entre 6 e 18 meses. Esses limites, segundo a nota, "visam evitar distorções nas operações de liquidez a curto prazo e tornar as aplicações compatíveis com as operações de crédito realizadas pelas instituições financeiras". Pelas regras, a dedução do compulsório a prazo está limitada a 70% do total do compulsório sobre este tipo de depósito que o banco tem de recolher junto ao BC. Além disso, a circular prevê que a instituição que aplicar recursos no BNDES poderá destinar até 20% do valor abatido do compulsório a prazo para aquisição de operações de outra instituição financeira.

O prazo limite para a realização dessas aplicações é 31 de dezembro de 2008. Segundo o BC, aplicações que vencem após a publicação da circular voltarão a ser depositadas em espécie e sem remuneração no BC na data do vencimento. "Como o prazo limite para efetivar novas aplicações passíveis desta dedução do compulsório é 31 de dezembro de 2008, as instituições terão até lá um incentivo a realizar ou renovar operações por prazos mais longos".

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG