Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

BB terá R$ 264 bi em depósitos e 4,88 mil agências

SÃO PAULO - O aumento dos depósitos de baixo custo deve ser um dos principais ganhos do Banco do Brasil (BB) com a compra da Nossa Caixa. Com a aquisição do banco estadual, o BB vai elevar em 14,7% seu total de depósitos, de R$ 230 bilhões para R$ 264 bilhões.

Valor Online |

Deste montante, R$ 48,6 bilhões estarão na forma de depósitos judiciais (baratos e estáveis), R$ 63,7 bilhões em poupança e R$ 46,4 bilhões em depósitos à vista.

Os ativos totais do BB crescerão 12%, para R$ 512 bilhões, mais ainda assim a marca ficará distante do total de ativos detidos pelo Itaú Unibanco: R$ 575 bilhões.

Em termos de crédito, o crescimento não será tão grande para o Banco do Brasil, de apenas 6%, para R$ 213,7 bilhões. Já o número de agências deve se expandir 13%, saindo de 4.319 para 4.888 pontos. Os recursos administrados subirão 11%, para R$ 271,5 bilhões.

O total de clientes (incluindo não correntistas) deve saltar 12%, saindo de 47 milhões para 53 milhões. Já o número de funcionários crescerá 16%, para 103 mil pessoas.

O índice de Basiléia do BB ficará em 12,8% após o negócio, em comparação com a marca de 13,6% antes do negócio.

(Murillo Camarotto | Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG