Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

BB e Bradesco admitem analisar compras, mas negam conclusão de negócio

SÃO PAULO - Após questionamentos da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) sobre notícias dando conta de que estariam disputando a compra de uma fatia do Banco Votorantim, o Banco do Brasil e o Bradesco divulgaram comunicados ao mercado informando que analisam operações de aquisição, mas negam que qualquer negócio tenha sido fechado.

Valor Online |

 

Em sua nota, divulgada na noite de sexta-feira, o BB diz que, com a edição da Medida Provisória 443, "está avaliando se há interesse na aquisição de participação acionária de bancos". Mas a instituição ressalta que "até o momento, não há decisão sobre aquisição de participação acionária em quaisquer instituições financeiras".

O Bradesco, por sua vez, afirmou em comunicado ao mercado divulgado nesta segunda-feira que "está constantemente analisando oportunidades de negócios no mercado financeiro, com o propósito de criar valor a seus acionistas e expandir suas operações, seja por meio de crescimento orgânico ou por aquisição de ativos".

O banco acrescenta que, se qualquer negócio for fechado, a operação será comunicada às bolsas e à Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

Leia mais sobre bancos

Leia tudo sobre: bancos

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG