Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Barril do Texas sobe e fecha a US$ 62,41

Nova York, 10 nov (EFE).- O preço do barril Petróleo Intermediário do Texas (WTI, leve) subiu hoje 2,24%, para US$ 62,41 em Nova York, entre expectativas de que se produza um aumento da demanda de energia na China, depois que Pequim anunciasse um plano de estímulo de mais de US$ 500 bilhões para reativar sua economia.

EFE |

Ao fim do pregão na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex), os contratos do Texas para entrega em dezembro subiam US$ 1,37 em relação ao preço anterior, após um dia muito volátil, no qual a commodity chegou ao mínimo de US$ 59,10 e a um máximo de US$ 65,56.

O barril do Texas desceu na semana passada US$ 6,77 ou 10%, no somatório de todos os pregões.

Os contratos de gasolina para entrega em dezembro subiram US$ 0,2 em relação ao preço anterior e fecharam a US$ 1,3679 o galão (3,78 litros).

O gasóleo de calefação para esse mês fechou a US$ 2,0056 o galão, valor US$ 0,3 maior que na sexta-feira.

O gás natural para entrega em dezembro terminou o pregão a US$ 7,248 por mil pés cúbicos, valor US$ 0,49 superior frente ao pregão anterior.

Os investidores se mostraram confiantes de que o plano de estímulo chinês aumentará a demanda de energia no país asiático.

Para a alta do petróleo também contribuíram as declarações do ministro da Energia argelino e presidente em exercício da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep), Chakib Khelil, que neste fim de semana não descartou um novo corte da produção. EFE bj/rr

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG