Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Barril do Brent sobe 0,83% e fecha a US$ 44,65

Londres, 12 fev (EFE).- O preço do barril do Brent reverteu hoje a tendência de baixas continuadas durante as últimas sessões e recuperou uma parte mínima do que perdeu, durante uma semana marcada pelas constantes informações econômicas negativas.

EFE |

O barril de petróleo do Mar do Norte, de referência na Europa, para entrega em março terminou o dia no Intercontinental Exchange Futures (ICE) de Londres com alta de US$ 0,37, cotado a US$ 44,65.

Os analistas atribuíram o resultado final da jornada de hoje a um mero rebote após as quedas de dias anteriores, embora o Brent tenha se recuperado do efeito que tiveram as declarações do ministro russo de Energia, Serguei Shmatko, sobre o momento difícil atravessado pela indústria.

Shmatko disse que o setor petroleiro se encontra em estagnação e que no caso da Rússia, um dos principais produtores do mundo, sem ajuda do Estado a extração de petróleo para 2013 cairá quase 8%.

Em 2008 o setor petrolífero rendeu aos cofres do Estado 4,4 trilhões de rublos (US$ 122,8 bilhões), e no país foram extraídos 488,5 milhões de toneladas de petróleo, por isso que a redução seria de 7,8%.

O ICE também estava esperando a Câmara de Representantes dos Estados Unidos, que vota hoje o plano de estímulo econômico pactuado com o Senado e avaliado em US$ 789 bilhões, por isso que não foram tomadas posições muito claras para o futuro.

Após atingir no mês passado de julho um recorde histórico que superou os US$ 147, o petróleo caiu mais de US$ 100, lastrado sobretudo pela queda da demanda por parte dos países consumidores, como consequência da crise econômica. EFE fpb/ma

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG