Tamanho do texto

Londres, 18 set (EFE).- O barril do Brent, de referência na Europa, se manteve hoje em alta (US$ 0,35), já que o petróleo se tornou um refúgio para os investidores que fogem das turbulências dos mercados financeiros.

Assim, o barril do Brent para entrega em novembro fechou a US$ 95,19 no International Exchange Futures (ICE), valor US$ 0,35 superior em relação ao fechamento de ontem.

Durante o pregão, o barril do Brent chegou a ser negociado a US$ 93,29 e a um máximo de US$ 99,69.

Após vários dias de baixa, pelo temor de que a crise econômica afetaria a demanda, o Brent cotou hoje em alta de carona nas intervenções nos mercados financeiros, nos novos ataques às instalações petrolíferas nigerianas do delta do Níger e nos cortes de provisão de petróleo causados pelos furacões.

Os preços do Brent, que em julho chegaram a um máximo de US$ 147,50 o barril, tinham apresentado uma tendência de baixa nas últimas duas semanas, o maior lance desde que se introduziram os contratos em 1988. EFE jm/rr

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.