LONDRES - O barril de petróleo Brent, de referência na Europa, fechou, nesta quarta-feira, com baixa de 9,2% na Bolsa Intercontinental de Futuros de Londres (ICE Futures, em inglês), após ser anunciado que as reservas de petróleo dos Estados Unidos, maior consumidor energético do mundo, caíram na semana passada.

O barril do Brent para entrega em fevereiro terminou a US$ 36,61, uma queda de US$ 3,75 em relação ao pregão de terça-feira.

A baixa do preço do Brent coincidiu com a publicação dos dados sobre os estoques de petróleo dos Estados Unidos, que caíram 3,1 milhões de barris na semana passada, até 318,2 milhões, segundo anunciou o Departamento de Energia americano.

O número causou surpresa entre a maioria dos analistas, que esperava um aumento de mais de um milhão de barris nas reservas de petróleo.

De qualquer maneira, o Governo americano informou que as reservas de petróleo se encontram dentro da média para esta época do ano.

Além disso, os mercados acompanham com atenção a atuação da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep), que anunciou no dia 17 que cortará sua produção em 2,2 milhões de barris diários a partir de 1º de janeiro.

Ouro

Já o preço da onça de ouro à vista fechou, nesta quarta-feira, em queda de 0,8% no mercado londrino, para US$ 836,75, depois de ter registrado cotação de US$ 843,5 ao término do pregão desta terça-feira.

Leia mais sobre: cotação - ouro - petróleo - Londres

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.