Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Barril do Brent cai para US$ 111,94 no primeiro pregão da semana

Londres, 18 ago (EFE) - O petróleo Brent, de referência na Europa, baixou hoje na Bolsa Intercontinental de Futuros de Londres (ICE Futures, em inglês) para pouco menos de US$ 112, depois que a companhia petrolífera Shell confirmou que a tempestade tropical Fay não afetará as instalações da empresa no Golfo do México.

EFE |

O barril de petróleo Brent para entrega em outubro acabou o pregão a US$ 111,94, ou US$ 0,61 a menos que no fechamento do pregão anterior.

O Brent, que chegou a superar hoje os US$ 114, ficou mais barato depois que a Shell afirmou que a tempestade "Fay" não causará danos em suas instalações do Golfo Pérsico.

No entanto, a companhia petrolífera anglo-holandesa disse que retirou 425 trabalhadores como "medida de precaução".

Os investidores também ficaram atentos ao conflito que opõe Geórgia e Rússia, depois que a companhia petrolífera BP informou que suspendeu a exportação de entre 50 mil e 70 mil barris de petróleo procedente do Azerbaijão.

O fornecimento desse petróleo, que tem como destino o Ocidente, foi interrompido devido à destruição de uma ponte ferroviária chave na Geórgia, lugar de quebra do petróleo.

O mercado também prestou atenção ao Centro de Estudos Globais para a Energia (CGES), que previu hoje que a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) impedirá que a commodity caia muito abaixo dos US$ 100 por barril.

Segundo o relatório de agosto do CGES, a Opep poderia optar por cortar sua produção se o preço do petróleo ficar muito barato. EFE pa/db

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG