Viena, 26 nov (EFE).- O barril da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) foi negociado na terça-feira a US$ 45,53, uma alta de US$ 1,05 em relação à última sessão, informou hoje o secretariado da organização petrolífera em Viena.

Após cinco quedas consecutivas, esta é a segunda alta seguida do valor do barril (de 159 litros) usado como referência pela Opep e calculado com base em uma mistura de 13 tipos de petróleo, uma para cada país membro.

O grupo, que controla cerca de 40% da produção mundial de petróleo, realizará no próximo sábado uma reunião consultiva e espera-se que confirme sua determinação de defender o preço da commodity mediante um corte de sua oferta conjunta.

No entanto, os mercados acreditam que a Opep esperará até a conferência de 17 de dezembro em Oran (Argélia) para sancionar uma queda de sua produção em pelo menos um milhão de barris diários, que se somaria à redução de 1,5 milhão de barris diários (mbd) estipulada no dia 24 de outubro em Viena. EFE wr/mh

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.