Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Barril da Opep volta a subir e é negociado a US$ 59,92

Viena, 31 out (EFE).- O barril da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) foi negociado nesta quinta-feira a US$ 59,92, uma alta de US$ 1,79 em comparação com o dia anterior, informou hoje em Viena a secretaria do cartel.

EFE |

A nova alta do petróleo da Opep aconteceu em uma sessão na qual a Venezuela, membro fundador do grupo, defendeu a possibilidade de um novo corte na produção que complete o de 1,5 milhão de barris diários aprovado na sexta-feira passada.

O ministro da Energia e Petróleo da Venezuela, Rafael Ramírez, disse ontem que "proporá um corte adicional" da oferta de petróleo na próxima reunião da Opep, ao assinalar que o preço do barril poderia "se estabilizar em torno dos US$ 70".

A Opep deve se reunir em 17 de dezembro na Argélia para analisar a situação do mercado petroleiro.

A alta do barril foi influenciada pelos dados divulgados ontem de que a economia dos Estados Unidos sofreu no terceiro trimestre do ano uma contração de 0,3%, a maior desde 2001, devido à forte queda das rendas pessoais e do consumo. EFE As/mh

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG