Viena, 9 jan (EFE).- O barril de petróleo da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) foi vendido na quinta-feira a US$ 42,13, US$ 3,62 a menos (8%) que no dia anterior, informou hoje o Secretariado do cartel, em Viena.

O crescimento das reservas de petróleo nos Estados Unidos, junto com outras notícias que confirmam a deterioração da conjuntura mundial, intensificou a percepção de que a demanda energética se encontra em retrocesso.

As economias em desenvolvimento, especialmente as asiáticas, também notaram um forte freio econômico, que se traduz em menor consumo de combustíveis fósseis.

"O panorama a curto prazo para muitas economias asiáticas continua sendo sombrio, uma situação claramente refletida nos últimos dados petroleiros", afirmou hoje a empresa de consultoria JBC, de Viena, acrescentando que as vendas de petróleo africano a países asiáticos caíram ao menor nível em quatro anos. EFE ll/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.