SÃO PAULO - O banco britânico Barclays anunciou um novo corte em seu quadro de funcionários. Desta vez, devem ser demitidos 2 mil funcionários das áreas de banco de varejo e comercial no Reino Unido.

Ontem, a instituição financeira já havia anunciado a demissão de 2,1 mil empregados em suas divisões de banco de investimentos e gestão de fundos.

A medida foi tomada na tentativa de reduzir os custos do banco, de modo a conter os efeitos da crise econômica global. No ano passado, o banco adquiriu as operações norte-americanas do falido Lehman Brothers, por US$ 1,75 bilhão. Para impulsionar suas reservas de capital, o banco captou US$ 10,5 bilhões em novembro, principalmente de investidores do Catar e de Abu Dhabi.

O Barclays emprega cerca de 156 mil pessoas em todo mundo, sendo que quase 70 mil estão no Reino Unido.

(Vanessa Dezem | Valor Online com agências internacionais)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.