Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Barack Obama propõe aumento de seguro para depósitos bancários

Washington, 30 set (EFE).- O candidato democrata à Casa Branca, Barack Obama, propôs hoje que aumente de US$ 100 mil para US$ 250 mil o valor dos depósitos bancários garantidos pelo Governo dos Estados Unidos.

EFE |

Em declaração divulgada hoje, Obama disse que "a rejeição (no Congresso) do plano de resgate financeiro levou à maior queda de valores nos mercados em duas décadas".

A Corporação Federal de Seguro de Depósitos (FDIC, em inglês) garante os depósitos bancários até US$ 100 mil, e vários analistas e comentaristas reiteraram durante dias a milhões de poupadores e depositários que não devem se preocupar com seu dinheiro.

Obama também afirmou hoje que "a maioria das famílias nos EUA pode ficar tranqüila, no sentido de que os depósitos que têm em nossos bancos têm garantia".

Apesar de a garantia, colocada em prática durante a Grande Depressão dos anos 30, "ser mais que adequada para a maioria das famílias, não é suficiente para que muitas empresas pequenas mantenham contas bancárias para os salários, comprar provisões, investir na expansão e criação de empregos", disse.

Acrescentou que "o limite atual do seguro em US$ 100 mil foi estabelecido há 28 anos e não foi ajustado pela inflação".

"Por isso, proponho que se eleve o limite de garantia da FDIC para US$ 250 mil, como parte do pacote de ajuda econômica, um passo que fortalecerá as empresas pequenas, tornará mais seguro nosso sistema bancário e ajudará a restaurar a confiança pública em nosso sistema financeiro", afirmou Obama. EFE jab/an

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG