SÃO PAULO - O Bank of America informou na noite desta quinta-feira que vai cortar de 30 mil a 35 mil empregos nos próximos três anos por conta da fusão ainda pendente com o Merrill Lynch e também do ambiente econômico fraco, que está afetando o nível de atividade dos seus negócios. Um número definitivo sobre os cortes será anunciado no início do ano que vem.

Segundo a instituição, as demissões incluirão funcionários dos dois bancos, em todas as linhas de negócio e de suporte.

O Bank of America disse que tem recebido novos depósitos durante este momento de crise e que está operando normalmente todas suas linhas de crédito. Sobre a fusão com o Merrill Lynch, a instituição informou que espera que ela seja concluída em 1º de janeiro de 2009.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.