Os economistas dos 31 bancos ouvidos pela Pesquisa Febraban de Projeções Macroeconômicas e Expectativas de Mercado, realizada em março, continuam prevendo um cenário favorável para a expansão do crédito no Brasil. As operações de crédito da carteira total dos bancos devem avançar 20,9%, nível acima dos 20,6% previstos em fevereiro.

Os economistas dos 31 bancos ouvidos pela Pesquisa Febraban de Projeções Macroeconômicas e Expectativas de Mercado, realizada em março, continuam prevendo um cenário favorável para a expansão do crédito no Brasil. As operações de crédito da carteira total dos bancos devem avançar 20,9%, nível acima dos 20,6% previstos em fevereiro. Os financiamentos da categoria recursos livres devem crescer 21,2% neste ano, resultado inferior aos 21,3% de fevereiro. O economista-chefe da Febraban, Rubens Sardenberg, destacou que as operações de crédito para pessoa física devem avançar 20,4% este ano, acima dos 19,9% de fevereiro, enquanto os financiamentos para pessoas jurídicas devem subir 21,8%, abaixo dos 22,7% previstos no mês passado. "As boas perspectivas para o crescimento da economia neste ano, ao redor de 5,5%, estimulam as projeções de expansão do crédito em patamar superior a 20%", comentou. De acordo com a pesquisa, há um cenário favorável à continuidade da queda de inadimplência para um período acima de 90 dias, pois a projeção é de que alcance 4,6% em dezembro. Esse indicador atingiu 5,3% em fevereiro, inferior aos 5,5% de janeiro, segundo o BC.
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.