Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Banco público francês CDC injetará 30 bilhões de euros na economia

PARIS - O responsável do banco público francês Caisse des Dépôts (CDC), Agustin de Romanet, disse neste domingo que o conjunto das iniciativas para melhorar a liquidez da economia real pela entidade que dirige subiram a cerca de 30 bilhões de euros. A injeção de cash na economia real será da ordem de 30 bilhões de euros, disse Romanet à emissora Radio France Internationale (RFI).

EFE |

Romanet comentou que "não se trata de um esforço financeiro", no sentido em que as medidas tomadas "não vão custar nem ao CDC nem aos contribuintes, em cash", mas "vai custar em liquidez".

Trata-se de "fundos que vão ser colocados à disposição do circuito da economia real", disse o presidente do estatal CDC, que precisou que será utilizada uma "liquidez disponível".

Por outro lado, Romanet ressaltou a importância de que os "cidadãos, agentes econômicos e empreendedores não deixem de investir", diante do risco de "auto-alimentar uma crise econômica por um pessimismo excessivo".

Romanet quer, assim, evitar que a crise financeira e da bolsa se some "uma crise econômica ligada ao fato de que, por razões de estresse ou de medo, os agentes econômicos deixem de investir ou de consumir".

Leia tudo sobre: crise econômica

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG