O Banco do Japão (BoJ) injetou nesta terça-feira quase 2 trilhões de ienes (19,2 bilhões de dólares) no mercado monetário do Japão, em uma tentativa de acalmar a turbulência financeira.

Pelo décimo dia útil consecutivo, o BoJ injetou dinheiro no sistema financeiro japonês para tratar de manter o crédito.

A intervenção ocorre no momento em que a Bolsa de Tóquio perde 4,94%, na manhã desta terça, sofrendo os reflexos da rejeição, pelo Congresso americano, do plano de socorro financeiro apresentado pelo governo de George W. Bush.

O índice Nikkei 225 recuava 579,87 pontos, a 11,163.74 unidades.

dr/LR

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.