Tamanho do texto

SÃO PAULO - O Banco Central de Israel divulgou hoje o quinto corte na taxa básica de juro do país desde outubro, período em que os impactos da crise começaram a atingir mais fortemente a economia mundial. A autoridade monetária decidiu diminuir o juro em 0,75 ponto percentual, um corte acima do esperado pelo mercado, para 1,75% anuais. A iniciativa é uma tentativa de aliviar os efeitos da retração econômica e da deflação.

As previsões do Banco de Israel são pessimistas com relação à economia do país. A perspectiva é de que o crescimento caia para 1,5% no próximo ano, o que seria a menor taxa desde 2002.

(Vanessa Dezem | Valor Online com agências internacionais)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.