Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Banco central israelense reduz taxa de juros para enfrentar crise

O Banco de Israel reduziu nesta segunda-feira sua principal taxa de juros em 0,25 ponto percentual, situando-a em 3,5%, para atenuar os efeitos da crise financeira internacional, anunciou a instituição em um comunicado.

AFP |

O diretor do BC israelense, Stanley Fischer, tomou a decisão com o objetivo de reduzir o custo do crédito para empresas e famílias, assim como para enfrentar a desaceleração da atividade econômica provocada pela crise financeira internacional, explica o comunicado.

É a segunda redução em duas semanas anunciada pelo Banco de Israel, que já havia passado a taxa de 4,25% para 3,75% no dia 12 de outubro.

O BC israelense estima que estas medidas devem dar solidez ao crescimento do país, que este ano, no entanto, deve cair para 4,5%, porcentagem mais baixa desde 2003, podendo chegar a apenas 2,7% em 2009.

jlr/ap

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG