Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Banco central indiano baixa taxas de juros para injetar dinheiro na economia

Nova Délhi - O Banco central indiano anunciou hoje a redução de duas importantes taxas de juros com o objetivo de injetar dinheiro na economia, segundo seu governador, G.Subbarao, que reconheceu que a Índia sofrerá um doloroso ajuste.

EFE |

Subbarao anunciou em entrevista coletiva um corte de um ponto percentual, para 6,5%, na taxa de recompra, ou seja, o juro que é aplicado pela instituição nos empréstimos concedido pelos bancos, segundo a agência indiana "Ians".

O mesmo corte será aplicado à taxa de recompra inversa - a taxa que os bancos cobram do RBI quando lhe concedem empréstimos -, que vai ficar em 5%, o que vai desestimular as instituições bancárias a manter seu dinheiro na instituição.

Ambos os ajustes entrarão em vigor nesta segunda-feira.

"O aspecto da economia indiana é incerto", disse Subbarao, que se mostrou preocupado pela desaceleração da produção industrial e das exportações.

A Índia cresceu nos últimos anos acima dos 9%, embora a crise econômica global tenha frustrado suas expectativas para o presente ano fiscal, até o ponto em que as autoridades fixaram previsões que rondam os 7%.

Leia mais sobre: crise financeira

Leia tudo sobre: crise financeira

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG