SÃO PAULO - Assim como era esperado, o Banco Central Europeu (BCE) definiu nesta quinta-feira a manutenção das três taxas de juros da zona do euro, com a principal delas seguindo em 4,25%. Agora as atenções dos agentes se dirigem para as palavras do presidente da autoridade monetária européia, Jean-Claude Trichet. Logo mais, ele falará com a imprensa sobre a decisão tomada e poderá dar um sinal de qual será o próximo movimento.

(Valor Online, com agências internacionais)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.