Tamanho do texto

SÃO PAULO - O banco central da Islândia cortou a taxa de juro da região em 3,5 pontos percentuais, para 12%. Observou que a crise no setor financeiro do país pode resultar em uma severa contração econômica, implicando a perda de muitos empregos e uma queda da demanda.

Vale recordar que a Islândia está lutando para conter o impacto da crise global no setor de crédito. Na semana passada, o governo assumiu o controle de três bancos do país - Kaupthing Bank, Landsbanki Islands e Glitnir Bank - depois de eles não conseguirem garantir financiamento de curto prazo. A iniciativa foi tomada para tentar evitar um colapso da economia como um todo.

(Valor Online, com agências internacionais)