SÃO PAULO - O banco central da Índia elevou a taxa de juro em 0,25 ponto percentual, com efeito imediato. A taxa de redesconto foi de 4,75% para 5% e a de redesconto reverso passou de 3,25% para 3,5%.

A decisão causou surpresa em alguns agentes financeiros.

A intenção da autoridade monetária indiana é de que a iniciativa ajude a ancorar as expectativas inflacionárias e contenha o avanço da inflação. "Como a liquidez no sistema bancário seguirá adequada, a expansão do crédito para sustentar a recuperação não vai se afetada", concluiu o BC da Índia.

A instituição avisou que continuará a monitorar as condições macroeconômicas, particularmente a questão dos preços, e vai agir caso necessário.

(Juliana Cardoso | Valor, com agências internacionais)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.