Tamanho do texto

Pequim, 5 dez (EFE).- O governador do Banco Popular da China (PBOC, Banco Central), Zhou Xiaochuan, alertou que os Governos devem se preparar para o pior e tomar precauções para prevenir a piora da crise financeira mundial.

Segundo informou hoje a agência oficial "Xinhua", o Zhou fez esta advertência durante o Diálogo Econômico Estratégico China-EUA, realizado atualmente a portas fechadas em Pequim.

O governador do PBOC assinalou que as instituições macroeconômicas devem assumir um papel ativo na análise do processo, da influência e da previsão da recessão.

Destacou que a China já iniciou seus movimentos, remodelando sua política fiscal e sua política monetária.

Zhou reiterou que a maior contribuição da China contra a crise global será manter um crescimento rápido e firme, apesar de analistas preverem um avanço de 7,5% para 2009, contra os 9,5% imaginados há alguns meses. EFE gmp/mh

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.