Os bancários vão se reunir novamente com as direções do Itaú e do Unibanco no dia 9 de dezembro, em São Paulo, segundo o Sindicato dos Bancários. Será a segunda reunião da categoria com as direções dos dois bancos após o anúncio da fusão.

No primeiro encontro, segunda-feira, os bancários pressionaram as duas instituições a assinar um documento de compromisso para que não haja demissões durante a integração das operações. Apesar de os presidentes do Itaú e Unibanco terem garantido o emprego dos mais de 104 mil funcionários das duas instituições, os bancários pedem um documento assinado.

No mesmo encontro, as diretorias do Itaú e do Unibanco afirmaram que não haverá fechamento de agências durante e após o processo de integração resultado da fusão. Os dois bancos somam atualmente 4.800 agências e postos de atendimento bancário.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.