Tamanho do texto

Os bancários de São Paulo, Osasco e região vão realizar na manhã de hoje uma manifestação em defesa da liberação do crédito por parte dos bancos e pela preservação do emprego nas instituições financeiras.

O ato, que vai contar com uma performance teatral, começa a partir das 10 horas em frente à matriz do Banco Real, na Avenida Paulista, local onde o presidente do banco e da Federação Brasileira de Bancos (Febraban), Fábio Barbosa, tem escritório instalado.

As entidades sindicais, apoiadas pela Central Única dos Trabalhadores (CUT), prevêem entregar um documento com reivindicações ao presidente da Febraban.