Resultado nos sete primeiros meses do ano foi de US$ 9,23 bilhões, contra US$ 16,8 bilhões de 2009

A balança comercial brasileira encerrou os sete primeiros meses do ano com superávit 45,1% menor que o registrado em igual período de 2009. Segundo dados divulgados nesta segunda-feira pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), o saldo está em US$ 9,23 bilhões entre janeiro e julho, contra US$ 16,8 bilhões do ano passado.

No período, as exportações totalizaram US$ 106,8 bilhões – um crescimento de 27,1% frente a 2009 -, enquanto as importações chegaram a US$ 97,6 bilhões, uma alta de 45,1% na mesma base de comparação.

Somente no mês de julho, o saldo comercial foi de US$ 1,35 bilhão, um resultado 51,2% menor que o registrado em igual mês do ano passado e 43,1% menor que o anotado em junho de 2010.

As exportações brasileiras foram de US$ 17,6 bilhões (média diária de US$ 803,4 milhões) e as importações, de US$ 16,3 bilhões (média diária de US$ 741,6 milhões).

“Em relação a julho do ano passado, na comparação pela média diária (US$ 614,9 milhões), as exportações aumentaram 30,7% e as importações (média diária de USS 488,3 milhões), 51,9%”, informou o MDIC.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.