Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Azerbaijão se dispõe e reduzir sua extração de petróleo em 300 mil barris

Moscou - O ministro de Indústrias e Energia do Azerbaijão, Natik Aliyev, afirmou nesta quarta-feira em Oran (Argélia), onde assiste como observador à conferência ministerial da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep), que seu país está disposto a reduzir a extração em 300 mil barris diários.

EFE |

"Temos a possibilidade real de reduzir (a extração) em 300 mil barris diários: agora extraímos 840 mil (barris) e, nos próximos meses, extrairemos 540 mil. Este será o nível de extração que manteremos no Azerbaijão", disse Aliyev, em declarações à agência oficial russa "RIA Novosti".

O ministro azerbaijano ressaltou que seu país tem capacidade potencial de extração de 1 milhão de barris diários, mas ressaltou que, "com o nível atual de preços do petróleo, não é conveniente aumentá-la".

Acrescentou que o Azerbaijão apoiaria uma decisão da Opep de reduzir a extração e não excluiu a possibilidade de que seu país se junte à organização mais adiante.

Aliyev disse que essa decisão dependerá da conduta dos preços do petróleo no mercado.

"Para nós, o preço justo está entre US$ 65 e US$ 80 (por barril), nessa categoria", disse.

Leia mais sobre petróleo

Leia tudo sobre: petroleopetróleo

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG