Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Aversão a risco derruba commodities

Os preços de várias commodities caíram ontem nas bolsas americanas. O índice Reuters-Jefferies CRB, que acompanha uma cesta composta por metais, energia e produtos agrícolas, recuou 0,84%.

AE |

Os preços de várias commodities caíram ontem nas bolsas americanas. O índice Reuters-Jefferies CRB, que acompanha uma cesta composta por metais, energia e produtos agrícolas, recuou 0,84%. Com a crise fiscal grega de volta ao noticiário, especuladores resolveram liquidar posições em mercados risco e buscar segurança no dólar. A valorização da moeda americana reduziu a atratividade das commodities, que se ajustaram ao menor poder de compra dos agentes que operam com outras divisas. Os mercados agrícolas foram os mais afetados pela dança das moedas. Em Nova York, o preço futuro do suco de laranja recuou 2,95%, para 126,50 centavos de dólar por libra-peso. O algodão fechou em queda de 2,94%, seguido pelo café (-2,07%) e o açúcar (-1,49%). Em Chicago, o trigo registrou perda de 1,26%, enquanto a soja cedeu 0,63%, para US$ 9,4650 por bushel. Milho - O mercado de milho devolveu os ganhos registrados na quarta-feira, quando surgiram boatos de que indústrias chinesas pretendiam importar o grão dos Estados Unidos. Ontem, analistas disseram que Pequim dificilmente vai liberar as licenças de importação antes da próxima colheita, por volta de setembro, o que frustrou os especuladores e abriu espaço para uma correção nos preços. Com isso, o contrato para maio, mais negociado, fechou em queda de 2,31%, cotado a US$ 3,4825 por bushel.
Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG