O número de trabalhadores americanos que requereram auxílio-desemprego caiu na semana passada, mas o surpreendente declínio das vendas pendentes de moradias em janeiro, para o menor nível em 10 meses, ressaltou o ritmo lento da recuperação econômica. Os pedidos de seguro-desemprego recuaram em 29 mil, para 469 mil (com ajuste sazonal), informou o Departamento de Trabalho.

Documento da Associação Nacional de Corretores mostrou que as vendas pendentes de casas usadas cederam 7,6% em janeiro, para o menor nível desde março do ano passado. O mercado esperava alta de 1%. As informações são do jornal O Estado de S.Paulo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.