SÃO PAULO - O órgão de vigilância da concorrência na Austrália avisou nesta quarta-feira que não criará oposição à proposta hostil de aquisição feita pela mineradora BHP Billiton por sua concorrente Rio Tinto, ambas anglo-australianas. Na avaliação do organismo, a aquisição não deve diminuir a competição.

Em nota, a Comissão de Concorrência australiana comentou que chegou à decisão depois de uma ampla revisão da oferta de compra e pesquisas de mercado.

Agora, as atenções dos investidores devem voltar-se para a determinação do órgão regulador da União Européia, que deve sair antes de 15 de janeiro. Existe a possibilidade de a BHP ser forçada a vender alguns ativos como condição.

(Valor Online, com agências internacionais)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.