Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Aumenta interesse da China por trem-bala do Brasil

O presidente chinês, Hu Jintao, falará sobre o trem de alta velocidade com Luiz Inácio Lula da Silva durante encontro em Brasília

AE |

O interesse chinês na construção do trem de alta velocidade entre Rio de Janeiro, São Paulo e Campinas estará entre os principais temas a serem tratados pelo presidente Hu Jintao no encontro que terá com seu colega Luiz Inácio Lula da Silva na sexta-feira, em Brasília.

A China está empenhadíssima em ganhar a disputa, o que poderá transformar o Brasil em um "showroom" para promover a exportação de seus trens rápidos. "Todas os representantes do governo chinês com quem me encontrei falaram dessa questão. Eles consideram isso uma prioridade", disse o ex-secretário executivo do Conselho Empresarial Brasil China e sócio da Strategus Consult, Rodrigo Maciel, que encerrou há duas semanas uma viagem de 35 dias ao país asiático.

De seu lado, Lula vai ressaltar o interesse brasileiro em manter as operações da Embraer na China. A empresa pretende fabricar no país seu avião de grande porte, o E190, e renegocia a parceria que tem desde 2002 com a estatal Avic, formada originalmente para a fabricação na China dos aviões ERJ-145, de até 50 lugares.

Mas, na última sexta-feira, a perspectiva de que um acordo fosse alcançado durante a visita parecia remota. Se as duas partes não se entenderem, a Embraer poderá encerrar suas operações na China no próximo ano. As informações são do jornal "O Estado de S. Paulo"

Leia tudo sobre: ChinaHu JintaoLulatrem-bala

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG