Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Assembléia Geral da ONU nomeia grupo de especialistas contra crise

Nações Unidas, 20 out (EFE) - O presidente da Assembléia Geral da ONU, o nicaragüense Miguel DDecoto, anunciou hoje a nomeação de um grupo de especialistas para que recomende uma reforma integral do sistema financeiro global.

EFE |

D'Decoto disse em comunicado que a crise financeira que afetou a economia global não pode ser solucionada com medidas particulares tomadas por cada país, e ressaltou que é preciso uma resposta internacional liderada pelas Nações Unidas.

O grupo de especialistas será liderado pelo economista americano e Prêmio Nobel de Economia Joseph Stiglitz, que também será um dos participantes de uma conferência sobre a crise que a Assembléia Geral realizará em 30 de outubro na sede da ONU, em Nova York.

Os outros especialistas convidados à conferência são o ministro de Economia equatoriano, Pedro Páez, o economista indiano Prabhat Patnaik e o sociólogo belga François Houtart.

O objetivo do grupo é fazer "uma revisão completa" do sistema financeiro global e das instituições financeiras multilaterais para conseguir "uma ordem econômica global mais estável".

O presidente da Assembléia Geral apóia as iniciativas realizadas nos últimos dias por vários líderes internacionais, mas considera que são insuficientes para conseguir uma resposta à crise adequada para todos os países.

D'Decoto afirmou que, "à medida que a pressão em favor das mudanças aumenta, o desenho da nova arquitetura deve ser por necessidade democrática e contar com a participação de todos para que seja crível e sustentável".

Por isso, insistiu em que a resposta à crise financeira deve partir da Assembléia Geral, o fórum no qual os 192 países-membros da ONU possuem voz e voto.

A reforma das instituições financeiras multilaterais, como o Fundo Monetário Internacional (FMI) e o Banco Mundial (BM), é uma das prioridades apontadas por D'Decoto desde que assumiu a Presidência da Assembléia, em setembro. EFE jju/db

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG