Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

A.Saudita diz que oscilações do petróleo prejudicam investimentos

Londres, 19 dez (EFE).- O ministro do Petróleo e Recursos Minerais da Arábia Saudita, Ali Ibrahim al-Naimi, advertiu hoje em Londres que a volatilidade do preço do petróleo prejudica o investimento no setor, o que, por sua vez, põe em perigo a provisão futura da commodity.

EFE |

Em discurso em uma cúpula de energia em Londres, Naimi admitiu que, em uma economia global, é fundamental a colaboração entre países produtores e consumidores para garantir a estabilidade do mercado.

Um total de 27 países participam hoje do chamado London Energy Meeting, uma reunião organizada pelo Governo britânico para se aprofundar nos debates iniciados em junho durante uma cúpula similar na cidade saudita de Jidá.

Ao inaugurar o ato, em um hotel do centro de Londres, o primeiro-ministro do Reino Unido, Gordon Brown, destacou a importância do diálogo para garantir a estabilidade dos mercados e defendeu uma maior transparência na regulação.

Brown e Naimi concordaram sobre a necessidade de melhorar a comunicação entre os países para poder deixar melhor o equilíbrio entre oferta e demanda, o que requer maiores transparência e troca de informação.

O saudita apontou que "é do interesse de todos avançar rumo a uma recuperação" dos mercados.

Como habitual, a Arábia Saudita culpou pela volatilidade dos preços a especulação nos mercados de matérias-primas e, no caso das altas, aos impostos nos países consumidores, sobretudo na Europa e no Japão.

"Continuamos achando que são elementos não fundamentais do mercado os que influem no preço do petróleo tanto em alta como em baixa", afirmou, em alusão à especulação frente aos fatores fundamentais da oferta e da demanda.

O ministro saudita frisou que o petróleo a US$ 70 o barril deixaria satisfeitos tanto os consumidores como os produtores. EFE jm/rr

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG