Tamanho do texto

Washington, 29 out (EFE) - O diretor-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI), Dominique Strauss-Kahn, disse hoje que a Argentina não poderá ter acesso ao novo programa de empréstimos de emergência para combater a crise econômica, apresentado hoje.

A Argentina, segundo o órgão, ficou de fora do programa porque o FMI não revisou sua economia há mais de um ano. EFE cma/db