Tamanho do texto

Paris - O grupo francês Areva anunciou hoje que conseguiu um contrato de cerca de US$ 150 milhões com a companhia uruguaia Interconexiones del Sur para a construção de uma conexão elétrica entre Uruguai e Brasil.

A estação de conversão de Melo (nordeste do Uruguai), que deve estar concluída no final de 2010, permitirá a interconexão das redes dos dois países, que têm freqüências diferentes, de 60 hertz no lado brasileiro e de 50 hertz no uruguaio, informou a Areva em comunicado.

A estação de Melo será a segunda instalação de conversão para corrente contínua de alta tensão a ser construída no Uruguai e, como no primeiro caso, será o gigante francês do setor nuclear e de transmissões elétricas que assumirá a responsabilidade.

Com esta infra-estrutura os dois países poderão "otimizar" o uso de seus recursos energéticos, informou a Areva, que acrescentou que terá "conseqüências benéficas para suas economias e para o meio ambiente".

O presidente da atividade de transmissão e distribuição do grupo, Philippe Guillemot, afirmou que "este contrato é estratégico, pois permite que a Areva reforce sua presença na região".

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.