A agenda de balanços internacionais de quinta-feira traz como destaques os resultados financeiros da ArcelorMittal, da Procter & Gamble, da ExxonMobil, da Siemens, da America Movil, do Santander, da Volkswagen e da Unilever. A <b>ArcelorMittal</b> pode divulgar um lucro líquido de US$ 386 milhões para o primeiro trimestre, em comparação a um prejuízo de US$ 1,06 bilhão em igual período do ano passado.

A agenda de balanços internacionais de quinta-feira traz como destaques os resultados financeiros da ArcelorMittal, da Procter & Gamble, da ExxonMobil, da Siemens, da America Movil, do Santander, da Volkswagen e da Unilever. A <b>ArcelorMittal</b> pode divulgar um lucro líquido de US$ 386 milhões para o primeiro trimestre, em comparação a um prejuízo de US$ 1,06 bilhão em igual período do ano passado. A <b>Procter & Gamble</b> deve anunciar um lucro de US$ 0,82 por ação e uma receita de US$ 19,51 bilhões para o terceiro trimestre fiscal, em comparação a um lucro de US$ 0,84 por ação e a uma receita de US$ 18,42 bilhões registrados no mesmo trimestre de 2009. A expectativa dos analistas para a <b>ExxonMobil</b> é de um lucro de US$ 1,36 por ação no primeiro trimestre, de US$ 0,92 por ação nos primeiros três meses do ano passado. O mercado espera a conclusão da fusão da companhia com a XTO Energy no segundo trimestre, operação que já foi aprovada pelas autoridades antitruste dos EUA, mas aguarda o voto dos acionistas da XTO. Para a <b>Siemens</b>, a previsão é de que a companhia eleve as projeções de lucro para o ano e apresente um crescimento de 7,60% no lucro operacional do segundo trimestre fiscal, para € 1,98 bilhão, em comparação a igual período do ano passado. A <b>America Movil</b> deve divulgar um aumento de 17% no lucro do primeiro trimestre, para 19,14 bilhões de pesos mexicanos (US$ 1,55 bilhão), em comparação a igual trimestre de 2009, beneficiada por fortes resultados operacionais e por ganhos relacionados às variações cambiais. No caso da <b>Volkswagen</b>, maior montadora europeia em termos de vendas, os analistas estimam um aumento no lucro do primeiro trimestre. Em março, o executivo-chefe da companhia, Martin Winterkorn, disse estar otimista sobre o potencial de crescimento da empresa nos EUA e na China em 2010, embora veja obstáculos na Europa, particularmente na Alemanha. Para o <b>Santander</b>, a estimativa é de um crescimento de 2,8% no lucro líquido do primeiro trimestre, para € 2,16 bilhões, em relação a igual período do ano passado, e de um aumento de 9% na receita, para € 10,05 bilhões. A <b>Unilever</b> deve divulgar que obteve um lucro por ação de € 0,33 no primeiro trimestre, de € 0,26 por ação nos primeiros três meses de 2009. Também apresentarão balanços amanhã AstraZeneca, Basf, Bayer, Bristol-Myers Squibb, Bunge, Burger King, Colgate-Palmolive, Repsol, Sanofi-Aventis, Motorola e Potash. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.