A fabricante de celulose Aracruz anunciou investimento de R$ 240 milhões na modernização de uma das linhas de sua unidade em Barra do Riacho, no Espírito Santo. O projeto reduzirá o custo de produção do complexo, com três fábricas, em US$ 5 por tonelada.

A unidade A, que será modernizada, é a linha menos competitiva da fabricante - está em operação desde 1978. Segundo o gerente de relações com investidores da Aracruz, André Luiz Gonçalves, "o projeto pode resultar em algum aumento de capacidade, mas a prioridade é a atualização tecnológica".

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.