Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Arábia Saudita defende corte de 2 mi de barris na produção da Opep

SÃO PAULO - O ministro do Petróleo da Arábia Saudita, Ali al-Naimi, defendeu nesta quarta-feira um corte de cerca de 2 milhões de barris diários na produção da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep). Sabemos que a oferta está ainda de alguma forma acima da demanda. Os estoques também estão acima do normal.

Valor Online |

Assim, para trazer ao equilíbrio, deveria haver um corte de aproximadamente 2 milhões de barris por dia", sustentou ao chegar a Oran, na Argélia, para o encontro da Opep.

Se confirmada, será a terceira redução anunciada pelo organismo em três meses. A Rússia, grande produtor fora da Opep, está enviando uma delegação à Argélia e avisou que deve atuar com o cartel, mas outros produtores que colaboraram com a Opep no passado, como México e Noruega, descartaram qualquer iniciativa.

(Juliana Cardoso | Valor Online, com agências internacionais)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG