Tamanho do texto

SÃO PAULO - Depois de avançar 6,87% nas quatro últimas sessões, a moeda americana abriu a semana em forte baixa, com o aumento do apetite ao risco dos investidores, em função do plano de ajuda financeiro à Europa. Dados preliminares apontam que, com mínima de R$ 1,767 e máxima de R$ 1,794, o dólar comercial caiu 3,99%, cotado a R$ 1,775 na compra e a R$ 1,777 na venda. Esta é a maior baixa diária desde o dia 24 de novembro de 2008, quando a divisa havia recuado 5,41%.

SÃO PAULO - Depois de avançar 6,87% nas quatro últimas sessões, a moeda americana abriu a semana em forte baixa, com o aumento do apetite ao risco dos investidores, em função do plano de ajuda financeiro à Europa. Dados preliminares apontam que, com mínima de R$ 1,767 e máxima de R$ 1,794, o dólar comercial caiu 3,99%, cotado a R$ 1,775 na compra e a R$ 1,777 na venda. Esta é a maior baixa diária desde o dia 24 de novembro de 2008, quando a divisa havia recuado 5,41%. (Beatriz Cutait | Valor)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.